Concessão da Rodoviária é debatida na Associação Comercial de Porto Alegre

A nova rodoviária da capital gaúcha foi uma das pautas da reunião realizada nesta terça-feira, dia 9 de julho, às 11h, na Associação Comercial de Porto Alegre.

Além de abordar as principais modificações no modelo de negócio, o diretor de Transportes Rodoviários do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem, Lauro Hagemann, esclareceu as dúvidas da diretoria da instituição sobre o processo de concessão.

“É fundamental explicarmos os trâmites envolvidos na licitação e concessão para toda a sociedade, especialmente para os integrantes de um grupo de pessoas com bastante inserção no cenário econômico e industrial da cidade”, observou o dirigente da Diretoria de Transportes Rodoviários, que representou o diretor-geral do Departamento, Sívori Sarti, no encontro.

Segundo o presidente da Associação Comercial de Porto Alegre, Paulo Afonso Pereira, a presença de Lauro Hagemann deve contribuir para a formação de uma opinião sobre o tema.

“Agradeço por ele ter aceito o convite da Associação, uma vez que o assunto deve resultar em diversos impactos na cidade. Foi possível esclarecer pontos que desconhecíamos”, afirmou.

O diretor da Diretoria de Transportes Rodoviários, acompanhado da superintendente de terminais rodoviários, Luciana Azevedo, falou a respeito das mudanças positivas que estão por vir.

“O terminal, que possui praticamente 50 anos de uso, não está de acordo com as necessidades atuais. Itens como segurança e conforto devem fazer parte do futuro projeto”, defende.

Lauro Hagemann ressaltou que o novo concessionário, que será responsável pelo terminal rodoviário e pelo prédio, vai modernizar e fazer uma reforma completa do local. “Hoje, não possuímos nem escadas rolantes”, lembrou.

Segundo Lauro Hagemann, a possibilidade da mudança de endereço, levantada por alguns participantes, não está sendo discutida pela autarquia.

“É injusto atribuir à rodoviária todo o problema de trânsito da cidade, uma vez que o fluxo não é concentrado apenas no entorno do terminal. Ele chega até a ponte de Guaíba”, disse.

Porém, destacou, esse tópico está sendo considerado na proposta da concessão. “Estamos tratando com a Prefeitura de Porto Alegre alterações para melhorar a mobilidade do local”, complementou.

Para encerrar, o diretor da Diretoria de Transportes Rodoviários afirmou que a expectativa é de que até o final do ano o processo para a licitação seja enviado à Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do Rio Grande do Sul.

O próximo passo é o encaminhamento para a Central de Licitações. “Precisamos respeitar alguns trâmites exigidos pela legislação. O importante é que fizemos avanços significativos e conseguiremos entregar uma rodoviária totalmente remodelada”, finaliza.

Mobilidade Porto Alegre

A redação do Mobilidade Porto Alegre é responsável pela produção de conteúdo sobre a mobilidade urbana de Porto Alegre e Região Metropolitana. Deseja entrar em contato conosco para enviar informações, sugestões de pauta ou anunciar? Envie um e-mail para contato@mobilidadeportoalegre.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *