Segurança nas rodovias durante o inverno: cuidados essenciais e prevenção de acidentes

725
Publicidade

Com o início oficial do inverno, a estação mais fria, chuvosa e com maior incidência de neblina e geada já nesta quarta-feira (21/06), os cuidados nas estradas devem ser redobrados. Essas mudanças no tempo causam efeitos no nosso dia a dia e, também, trazem riscos para quem trafega nas rodovias, como a diminuição da visibilidade e pista escorregadia.

Preocupada com a vida de motoristas, pedestres e ciclistas, a Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) reforça o alerta sobre os cuidados nas estradas durante essa época. Um dos primeiros cuidados se refere à prevenção. Fazer revisões periódicas no veículo, especialmente checando o estado dos pneus e freios é muito importante para manter a aderência na pista. Além disso, as borrachas dos limpadores de pára-brisas, o sistema de ventilação interna e os faróis também precisam ser checados, pois são fundamentais para manter a boa visibilidade.

Os mesmos cuidados são válidos em caso de neblina. Nestas situações, o ideal é evitar trafegar de madrugada e no início da manhã, períodos em que o fenômeno ocorre com mais frequência. Sempre que for dirigir em estradas, ligue os faróis e se a visibilidade não estiver adequada, procure um local seguro longe da rodovia, sinalize o veículo e aguarde o fenômeno passar.

Publicidade

A EGR ressalta sobre a importância de respeitar a sinalização, usar o cinto de segurança, reduzir a velocidade e evitar ultrapassagens, freadas bruscas e mudança repentina de pista. Para os motociclistas os riscos ao dirigir durante a chuva são ainda maiores, já que a visibilidade fica prejudicada, o que pode dificultar manobras para desviar de eventuais obstáculos na via, como buracos ou objetos.

A EGR também chama a atenção para outro fenômeno que ocorre principalmente nas rodovias da Serra Gaúcha, Campos de Cima da Serra e Hortênsias: o congelamento da pista. O gelo faz com que os veículos percam a tração e deslizem, podendo ocasionar acidentes gravíssimos. Nesses casos, a EGR orienta a redobrar os cuidados, reduzir a velocidade, evitar freadas, movimentos bruscos ou transitar nas primeiras horas do dia.

Segundo o diretor-presidente da EGR, Luiz Fernando Záchia, devido à baixa visibilidade e à pista molhada, é fundamental manter uma distância segura do veículo que está na frente para evitar acidentes. “Em dias chuvosos, a água torna o asfalto escorregadio. Por isso, é preciso reduzir a velocidade para que o veículo responda de forma adequada em caso de freadas bruscas e não perca estabilidade e aderência, evitando derrapagens”, ressalta.

De acordo com o Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM), as peculiaridades do inverno são responsáveis por um aumento de 51% nos acidentes de trânsito nas rodovias em comparação com as demais estações do ano. Desses, 30% ocorrem em dias nublados, chuvosos ou com neblina. Em caso do motorista diagnosticar muita água, gelo na pista, queda de barreira ou qualquer outra anormalidade no trecho rodoviário, os motoristas devem comunicar imediatamente o CRBM pelo número 198.

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui