Projeto de lei prevê R$ 50 milhões para recuperação de vias

126
Trânsito na Avenida Assis Brasil
Foto: Cristine Rochol/Prefeitura de Porto Alegre
Publicidade

A Prefeitura de Porto Alegre enviou à Câmara Municipal de Porto Alegre projeto de lei que autoriza o Município a contratar operação de crédito de até R$ 50 milhões para investir em melhoria estrutural e funcional de vias.

O financiamento foi pleiteado junto ao Banco do Brasil, que já aprovou o pedido, demonstrando a confiança das instituições financeiras na capacidade de investimento de Porto Alegre.

“A prefeitura recuperou o crédito graças às reformas estruturais realizadas com apoio do Legislativo”, destaca o prefeito Nelson Marchezan Júnior. O projeto foi encaminhado na quinta-feira, dia 12 de setembro.

Publicidade

O documento prevê a execução de obras de pavimento em 23 trechos (33 quilômetros). A necessidade do investimento se deve às más condições de conservação das vias urbanas, que ultrapassaram a vida útil e sofrem com aumento de volume de tráfego de veículos.

“As ações rotineiras de conservação e os recursos aplicados em obras de recuperação são insuficientes. Este projeto vai melhorar a infraestrutura viária e mobilidade urbana de Porto Alegre”, diz o prefeito. Nos últimos dez anos, a média anual de aplicação de recursos no Programa de Recuperação de Pavimentos foi de R$ 10 milhões por ano.

As obras também trarão benefícios públicos e economia aos cofres municipais. Estudos indicam que os custos para reconstrução de pavimentos danificados podem chegar a até oito vezes o valor de uma obra de recuperação.

O projeto prevê a recuperação estrutural do pavimento asfáltico desde a base, com remoção da estrutura antiga por completo e criação de um novo pavimento.

De acordo com o cadastro viário da Prefeitura de Porto Alegre, a cidade tem 2.790 quilômetros de vias públicas, dos quais 1.155 quilômetros são pavimentados com revestimento asfáltico, que representam 42% da extensão da malha viária. Destes, 120 quilômetros de vias precisam de recuperação estrutural.

Entre os trechos de vias que serão contempladas no projeto de lei estão:

– Cristóvão Colombo
– Benjamin Constant
– Assis Brasil
– Sertório
– Estrada João de Oliveira Remião
– Estrada Belém Velho
– Rua Santo Antônio
– General Câmara

Mobilidade Porto Alegre

Quer ficar informado sobre tudo o que acontece na mobilidade urbana de Porto Alegre e Região Metropolitana?

Então curta nossa página no Facebook.

Siga o @MobilidadePOA no Twitter.

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui