Porto Alegre registra queda de 34% no número de assaltos a ônibus em 2022

247
Publicidade

De janeiro a dezembro de 2022, Porto Alegre registrou 40 ocorrências de assaltos a ônibus. O número é 34% menor do que os 61 casos do ano anterior e representa uma redução de 96% frente a 2016. Naquele ano, foi criada a força-tarefa da Polícia Civil e Brigada Militar contra roubos no transporte coletivo (abaixo os números ano a ano).

Em 2022, ainda ocorreu um fato inédito: por dois meses consecutivos, novembro e dezembro, não houve registro de assaltos a ônibus na Capital. Os dados são do Fórum Transporte Seguro, grupo que reúne Polícia Civil, Brigada Militar, Guarda Municipal, Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), empresas de ônibus e entidades ligadas ao transporte coletivo da cidade.

“Desde que o governo lançou o programa Mais Transporte, trabalhamos para fazer com que o usuário retorne para o transporte público. Essa redução no número de assaltos nos auxilia a traçar esse caminho, mostrando que é possível confiar no transporte público, com a oferta de um serviço de mais qualidade”, destaca o diretor-presidente da EPTC, Paulo Ramires. 

Publicidade

Para a presidente da Associação dos Transportadores de Passageiros (ATP), Tula Vardaramatos, os resultados refletem um trabalho de muito empenho realizado por todas as entidades envolvidas. “Porto Alegre tem sido exemplo para outras cidades por seu pioneirismo neste trabalho com a criação da Delegacia de Polícia Especializada de Repressão a Roubos em Transporte Coletivo (DRTC), a primeira do país com essa especialidade; o monitoramento por câmeras dentro dos coletivos e a presença constante da Brigada Militar nos ônibus”, ressalta.

Assaltos a ônibus em Porto Alegre ocorrências

  • 2016 – 915
  • 2017 – 612
  • 2018 – 400
  • 2019 – 191
  • 2020 – 140
  • 2021 – 61
  • 2022 – 40
Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui