Construção de travessia provisória em Porto Alegre para auxílio humanitário

230
Foto: Reprodução/Leo Bartz/RBS TV
Publicidade

A Prefeitura de Porto Alegre prevê para este final de semana o término da construção de uma travessia provisória que vai funcionar como “corredor humanitário” para a chegada de caminhões, veículos de emergência e donativos para os atingidos por enchentes na capital.

Localizada entre a Avenida Castelo Branco e o Túnel da Conceição, na região central da cidade, próximo à Estação Rodoviária, a via também deve aliviar o fluxo na RS-118, principal acesso à Região Metropolitana de Porto Alegre, já que outros acessos estão bloqueados devido aos danos causados pelos temporais.

“A comida tem de chegar, o remédio tem de chegar, a ambulância tem de passar, o caminhão do Exército tem de passar. Então, é um corredor que salva vidas”, afirmou o prefeito Sebastião Melo em coletiva de imprensa.

Publicidade

Para permitir a passagem dos caminhões, a passarela que atravessa a Avenida Conceição precisará ser demolida. O prefeito explicou que ela é baixa e não permite a passagem de veículos de grande porte, justificando a medida. Posteriormente, uma nova, mais alta, deve ser erguida no mesmo local.

A travessia terá aproximadamente 300 metros de extensão e será construída com três camadas de sedimentos. A primeira camada será de pedras para fornecer a base, seguida por uma camada de brita e, por fim, uma camada de asfalto para garantir a transitabilidade.

A previsão é que o trabalho seja concluído em até três dias, permitindo a utilização imediata do corredor humanitário para auxílio às vítimas das enchentes.

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui