Chuva provoca transtornos no trânsito de Porto Alegre nesta terça-feira, dia 28

A chuva causava transtornos no trânsito de Porto Alegre nesta terça-feira, dia 28 de julho. Dentre os problemas estavam: alagamentos, semáforos inoperantes, acidentes e quedas de árvores.

Confira abaixo as informações divulgadas pela EPTC (Empresa Pública de Transporte e Circulação) e Gaúcha.

18h41 – A EPTC informou que até às 18h havia restabelecido 43 conjuntos semafóricos e dois permaneciam em atendimento: Avenida Cavalhada com Estrada João Vedana e Avenida Oscar Pereira com Rua Professor Sarmento Barata.

16h30 – O Departamento Municipal de Água e Esgotos realizava limpeza e desobstrução de bocas de lobo nas avenidas Cairú e Sertório.

15h18 – Nos dois tuítes abaixo, a EPTC divulgou a lista de semáforos que estavam inoperantes e os que já haviam sido restabelecidos.

14h18 – A Empresa Pública de Transporte e Circulação informou que, até às 14h dessa terça-feira, já havia restabelecido 39 conjuntos semafóricos prejudicados por queda de luz em decorrência da chuva, de um total de 47. Até às 14h18, 8 conjuntos semafóricos permaneciam em atendimento. Além disso, não havia registro de bloqueios por acúmulo de água.

As equipes de fiscalização de trânsito e manutenção elétrica da Empresa Pública de Transporte e Circulação foram reforçadas, desde a madrugada, e deslocadas para os pontos mais críticos para evitar acidentes, monitorar a circulação, restaurar a sinalização e auxiliar os usuários.

13h37 – Equipe elétrica da EPTC estava restabelecendo o semáforo da Avenida Pernambuco com Avenida Brasil.

12h22 – Equipe elétrica da EPTC estava restabelecendo o semáforo da Avenida Ipiranga com Rua Euclides da Cunha.

11h34 – Equipes da EPTC estavam restabelecendo o semáforo da Rua Vasco da Gama com Rua Fernandes Vieira, no bairro Bom Fim.

11h11 – A Prefeitura de Porto Alegre informou que a Secretaria de Serviços Urbanos atuava para minimizar os impactos da chuva que atingiu Porto Alegre. Foram cerca de 60 milímetros em poucas horas, sendo que a média histórica para todo o mês de julho é de 128,62.

Haviam sido registrados pelo menos seis casos envolvendo quedas de árvores ou galhos em atendimento pelas equipes. Em alguns pontos poderia haver a pendência da coleta dos resíduos, a prioridade era nos locais que apresentassem riscos à população, vias de grande circulação, ou com bloqueios.

Somavam-se ainda profissionais das equipes de zeladoria urbana do Departamento Municipal de Limpeza Urbana, que atuavam na limpeza e no recolhimento de lixo espalhados pela chuva.

11h02 – Agentes da EPTC estavam restabelecendo os semáforos da Rua Guilherme Alves com Rua Valparaíso, no Jardim Botânico.

10h49 – Equipe elétrica da EPTC restabelecendo o semáforo da Avenida Juca Batista, em frente à escola Mathias de Albuquerque.

10h25 – A Empresa Pública de Transporte e Circulação informou que, até as 10h desta terça-feira, já havia restabelecido 25 conjuntos semafóricos prejudicados por queda de luz em decorrência de chuvas, de um total de 46.

No início da manhã registrava 25 semáforos fora de operação, logo, foram sendo feitos outros registros e até às 10h25, 21 ainda apresentavam problemas.

Havia bloqueios por acúmulo de água na Rua Voluntários da Pátria, na altura do número 6081.

9h53 – Equipe elétrica da EPTC estava restabelecendo o semáforo da rótula da Avenida Edvaldo Pereira Paiva com Avenida João Goulart.

9h41 – Equipe da EPTC estava restabelecendo o semáforo no cruzamento da Avenida Protásio Alves com a Rua Professor Duplan.

9h37 – Semáforo estava inoperante na Avenida Ipiranga com Rua Barão do Amazonas.

9h21 – A Prefeitura de Porto Alegre informou que na madrugada desta terça-feira, choveu em Porto Alegre um volume estimado em 57,8 milímetros, a metade da média histórica para julho, que é de 128,62 milímetros, conforme a Defesa Civil de Porto Alegre.

9h14 – Semáforos estavam inoperantes no cruzamento da Rua Guilherme Alves com Avenida Ipiranga e Rua Barão do Amazonas.

https://twitter.com/EPTC_POA/status/1288085383746592768

8h57 – Pontos de alagamento na Avenida Sertório com Rua Marquês do Alegrete e nas ruas 11 de Agosto e Dona Sebastiana.

8h44 – Acidente envolvendo três veículos na Rua Ramiro Barcelos, em frente ao Hospital Moinhos de Vento.

8h16 – A Avenida Vicente da Fontoura estava bloqueada parcialmente por conta de queda de árvore próximo à Travessa Fonte da Saúde.

8h06 – Semáforos inoperantes na Avenida Loureiro da Silva com Rua João Alfredo.

8h03 – Semáforo estava inoperante na Avenida Protásio Alves com Avenida Ijuí.

7h51 – Um boeiro estavam sem tampa na Rua Voluntários da Pátria, próximo à Rua Álvaro Chaves, no bairro Floresta.

7h10 – Houve um atropelamento por ônibus na Avenida Praia de Belas com Rua Peri Machado, no bairro Praia de Belas.

6h45 – Os carros estavam dando meia volta, por conta de alagamento na Avenida Sertório com Rua Marquês do Alegrete.

6h36 – A Empresa Pública de Transporte e Circulação registrava 12 pontos com acúmulo de água e 25 conjuntos semafóricos com problemas.

Dentre os pontos mais críticos, com bloqueios, por acúmulo de água estavam:

– Avenida Assis Brasil com Rua Zeferino Dias
– Avenida Sertório com Rua 11 Agosto
– Avenida Sertório com Rua Dona Sebastiana
– Avenida Sertório com Rua 25 de Julho
– Avenida Sertório com Rua São Salvador
– Avenida Sertório com Rua Emílio Lúcio Esteves

5h41 – Diversas vias na Zona Norte estavam alagadas e semáforos estavam desligados na região das avenidas Ipiranga e Bento Gonçalves.

Eduardo Paulino

Paulistano, aquariano e prestativo. É apaixonado pelos temas marketing digital, mobilidade urbana, recursos humanos e empreendedorismo. É o criador dos sites Mobilidade SampaMobilidade Curitiba, Mobilidade RioMobilidade Floripa e Mobilidade Porto Alegre. Quer entrar em contato com o Eduardo? Escreva para contato@eduardopaulino.com.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.