Chuva causa transtornos em Porto Alegre nesta quarta-feira, dia 8

55
Avenida Edgar Pires de Castro
Acidente com vítima no bairro Lageado, na Avenida Edgar Pires de Castro (Foto: Divulgação/ETPC)
Publicidade

A chuva forte seguia provocando muitos estragos em Porto Alegre e Região Metropolitana nesta quarta-feira, dia 8 de julho de 2020, como transbordamentos, quedas de árvores, apagão em semáforos, acidentes de trânsito, acúmulos de água, alagamentos, fortes rajadas de vento, falta de energia, queda de postes e buracos.

Nas rodovias gaúchas, o trânsito também estava prejudicado por conta das chuvas.

Confira abaixo as informações divulgadas ao longo desta quarta-feira pela EPTC (Empresa Pública de Transporte e Circulação), Prefeitura de Porto Alegre, Gaúcha, Secretaria de Serviços Urbanos, Defesa Civil de Porto Alegre e MetSul.

Publicidade

18h44 – A Prefeitura de Porto Alegre informou que até às 18h30 desta quarta-feira, registrada 13 pontos de alagamentos com bloqueio total de vias e 3 pontos de acúmulos de água com bloqueio parcial. Duas vias estavam bloqueadas parcialmente por conta de quedas de árvores e um conjunto semafórico estava inoperante.

Confira nos tuítes abaixo onde estavam os bloqueios nas áreas Norte e Sul da cidade.

17h49 – A Prefeitura de Porto Alegre emitiu nota sobre o alagamento que invadiu residências na região da Rua Voluntários da Pátria, na Zona Norte.

16h19 – Equipes da Defesa Civil atuando nas margens da Avenida Edgar Pires de Castro, no bairro Lami.

16h03 – Um carro foi encontrado dentro de um córrego na Avenida Baltazar de Oliveira Garcia.

15h21 – Guincho estava retirando um Renault Symbol próximo à Rua Zeferino Dias, no Sarandi.

14h55 – Alagamento na região da Rua Voluntários da Pátria, próximo às obras da segunda Ponte do Guaíba.

14h22 – Muitas ruas estavam alagadas no bairro Humaitá.

14h16 – Carro estava submerso na Rua Floribal Olinto dos Santos, próximo à Rua Voluntários da Pátria, no bairro Navegantes.

14h12 – Água estava muito alta na Rua Voluntários da Pátria, no bairro Humaitá, na Zona Norte.

13h59 – Sol começava a aparecer no Centro de Porto Alegre.

13h50 – Sinaleiras fora de operação no cruzamento da Avenida Praia de Belas com a Avenida Aureliano de Figueiredo Pinto.

13h38 – Inversão da faixa reversível da Rua Wenceslau Escobar estava sendo realizada.

13h31 – 13 equipes de Manejo Árboreo atuavam em 16 demandas envolvendo quedas de árvores e galhos de grande porte. 58 casos foram registrados desde terça-feira.

13h27 – Queda de árvore na Praça da Matriz entre as ruas Jerônimo Coelho e Duque de Caxias, no Centro Histórico.

13h11 – Veículo estava caído no arroio da Rua Zeferino Dias, no bairro Sarandi.

12h58 – Quedas de árvores de grande porte na Praça Marechal Deodoro.

12h34 – Confira abaixo nos tuítes da Prefeitura de Porto Alegre, as atualizações sobre os pontos de bloqueio por quedas de árvores, semáforos inoperantes e bloqueios por região da cidade.

12h28 – Semáforos estavam inoperantes na Avenida Borges de Medeiros com a Avenida Aureliano Figueiredo Pinto e na Avenida Praia de Belas com a Avenida Aureliano Figueiredo Pinto.

12h26 – Semáforos estavam inoperantes na Avenida Loureiro da Silva com a Rua General Lima e Silva e na Avenida Loureiro da Silva com a Rua José do Patrocínio.

12h25 – A EPTC informou que até o meio-dia havia um bloqueio total e 4 bloqueios parciais, por conta de quedas de árvores e um conjunto de semáforos estava inoperante. Havia 18 pontos de alagamento com bloqueio total de vias e 6 pontos com acúmulos de água com bloqueio parcial de vias.

11h51 – Encanamento estava estourado na Rua Coronel Aparício Borges, próximo à Rua Sergipe.

11h31 – Equipes faziam a limpeza nas margens dos arroios Sarandi e do Saldo.

11h22 – Equipes faziam a desobstrução da Rua Eça de Queiroz com a Rua Itaboraí.

11h04 – Equipes atuavam em ruas e arroios da região Sul de Porto Alegre na tentativa de minimizar os efeitos das chuvas e facilitar a vazão das águas.

10h40 – Queda de árvore bloqueava a Rua 26 de Abril, na altura do número 242.

10h35 – Trânsito estava sendo monitorado na Avenida Edgar Pires de Castro, após acidente.

10h32 – A Prefeitura de Porto Alegre informou que a Defesa Civil de Porto Alegre distribuiu lonas para residências destelhadas nos bairros Campo Novo, Jardim Botânico, Aberta dos Morros, Serraria, Nonoai e Arquipélago.

10h30 – Cruzamento da Avenida Juca Batista com a Estrada Chapeú do Sul estava bloqueado.

10h08 – Até às 10h08, Porto Alegre havia registrado 122,4 milímetros de chuva. “As Estações de Bombeamento de Águas Pluviais estão em funcionamento dentro de suas capacidades operacionais”, informou a Prefeitura de Porto Alegre.

9h40 – O acumulado da chuva em Porto Alegre até às 9h40 era de 122,4 milímetros.

9h13 – A Empresa Pública de Transporte e Circulação informou que desde ontem foram atendidas pelas equipes 100 ocorrências em razão do alto volume de chuvas que atingiu a capital gaúcha. Confira na imagem abaixo os pontos que ainda apresentavam algum tipo de bloqueio, parcial ou total.

9h10 – Avenida Tramandaí liberada na altura da Rua Déa Coufal.

8h55 – Na noite desta terça-feira, dia 7 de julho, a água quase atingiu a ponte sobre o Arroio no cruzamento da Avenida Ipiranga com a Rua Frei Germano. A Defesa Civil havia interditado a ponte para avaliação de risco, sendo liberada com segurança na manhã desta quarta-feira, dia 8 de julho.

8h47 – Acidente com vítima na Avenida Edgar Pires de Castro, no bairro Lageado. Havia risco de queda de poste na via.

8h41 – Queda de árvore bloqueava a Rua Eça de Queiroz com a Rua Itaboraí.

8h22 – Na Rua João Vedana, no pontilhão, a força da água arrastou um veículo e derrubou uma cerca.

8h07 – Chuva entre ontem e hoje até às 8h corresponde a 118% da média histórica de julho inteiro em Porto Alegre.

7h43 – O cruzamento da Rua Frei Germano com a Avenida Ipiranga foi liberado após a alta do Arroio Dilúvio.

7h40 – Foram registradas às 3h da madrugada, rajadas de vento de 69 km/h no Aeroporto Salgado Filho.

7h24 – Ponte da Rua Frei Germano com Avenida Ipiranga estava bloqueada, devido à alta do Arroio Dilúvio. Na Avenida Assis Brasil, no sentido Cachoeirinha, havia um buraco na faixa da direita.

7h10 – O Arroio Feijó estava dentro do leito em Alvorada, na madrugada a água chegou a invadir casas da região. Na RS-040, em Viamão, houve falta de luz e os semáforos estavam desligados.

6h36 – Ruas estavam alagadas no bairro Humaitá, nas proximidades da Avenida Sertório, Avenida Farrapos, próximo à estação Anchieta do Trensurb e na Zona Sul. Cruzamento da Avenida Ipiranga com a Rua Frei Germando estava bloqueado.

6h12 – Até às 6h, o acumulado da chuva em Porto Alegre e Região Metropolitana era o seguinte:

5h42 – Arroio Feijó havia subido muito entre Alvorada e a Zona Norte de Porto Alegre.

Publicidade

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui