Retomada do Aeroporto Salgado Filho: embarque e desembarque de passageiros previstos para julho

O Aeroporto Internacional Salgado Filho, localizado no Rio Grande do Sul, está em processo de retomada gradual das operações após ter reaberto o terminal de cargas no início de junho.

As atividades de embarque e desembarque de passageiros estão programadas para retornar à primeira quinzena de julho, transferindo-se do terminal provisório ParkShopping Canoas de volta para suas instalações na capital.

Os voos continuarão operando no aeródromo militar até que a pista de pouso e decolagem do Salgado Filho esteja liberada.

Esta mudança visa utilizar áreas não afetadas pelas recentes enchentes e possibilitar uma capacidade ampliada de atendimento aos passageiros, especialmente com o aumento esperado de voos na região.

Enquanto isso, a Base Aérea de Canoas, que começou a operar voos comerciais desde o final de maio, está expandindo suas operações aéreas significativamente.

Graças ao esforço conjunto entre Ministério de Portos e Aeroportos, Ministério da Defesa, Casa Civil da Presidência da República, Secretaria Extraordinária de Apoio à Reconstrução do Rio Grande do Sul, Agência Nacional de Aviação Civil, Fraport e companhias aéreas, a base militar aumentará de 5 para 7 voos diários.

Isso representa um acréscimo de 70 para 98 movimentos semanais, incluindo voos programados entre 17h35 e 21h, com a adição de voos noturnos viabilizados pela instalação de torres de iluminação e revisão da estrutura operacional.

A expansão das operações em Canoas é parte de um plano para absorver parte da malha aérea anteriormente operada no Salgado Filho, que permanece fechado por tempo indeterminado devido aos danos causados pelas enchentes no estado.

Com novos horários e capacidade aumentada, a base aérea está se consolidando como um importante ponto de conexão aérea no Rio Grande do Sul, atendendo voos das companhias Azul, Gol e Latam.

Deixe um comentário