Pesquisa sobre qualidade do transporte busca opinião de usuários nos terminais de ônibus

172
Foto: Alex Rocha/PMPA
Publicidade

O secretário de Mobilidade Urbana, Adão de Castro Júnior, acompanhou nesta terça-feira, 14 de novembro, no Terminal Parobé, a realização da pesquisa Qualiônibus. O objetivo do levantamento é verificar a opinião dos usuários sobre o serviço. A pesquisa que é realizada pelos agentes de fiscalização iniciou-se na segunda-feira, 13 de novembro, e deve percorrer os principais terminais até o final de novembro. Durante o ano de 2022, o Índice de Satisfação Geral foi de 5,9, número que representa mais do que a meta projetada para 2024 (5,7).  

“Assim como a anterior, essa pesquisa irá nos dar uma base importante para saber o que precisamos melhorar no sentido de proporcionar cada vez mais conforto para o usuário do transporte coletivo. Desde o começo do Programa Mais Transporte ampliamos bastante o atendimento, estamos qualificando a frota e os locais de embarque e desembarque de passageiros e queremos seguir melhorando o sistema”, destaca Castro Júnior. 

A pesquisa é aplicada nos terminais e também dentro dos ônibus. Dentre os pontos abordados estão a forma de pagamento da passagem, a frequência e a finalidade no uso transporte coletivo, entre outros. Os agentes conversam com os entrevistados por cerca de dez minutos. 

Publicidade

Qualiônibus

Desenvolvido pelo WRI Brasil com o apoio financeiro e conceitual da FedEx Corporation, o Programa QualiÔnibus visa a atrair e manter clientes do sistema, melhorar a mobilidade e tornar mais sustentável o transporte nas cidades. O QualiÔnibus é formado por cinco ferramentas (pesquisa de satisfação, indicadores de qualidade, grupo de benchmarking, dia um de operação e segurança em primeiro lugar) que possibilitam aos provedores do transporte coletivo criar um ciclo virtuoso de benefícios. Ao avaliar e melhorar o desempenho do transporte coletivo, a cidade poderá oferecer um serviço de maior qualidade para a população.

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui