Gravataí: Acesso ao Distrito Industrial é alterado para obras na ERS-118

1046
Novo acesso
Novo acesso ERS-118 ao Distrito Industrial - Foto: Prefeitura de Gravataí
Publicidade

Para permitir a sequência da construção do viaduto na ERS-118 com a Avenida Centenário, a Secretaria de Mobilidade Urbana de Gravataí promoverá alterações no acesso ao Distrito Industrial. A partir desta quinta-feira, 9 de fevereiro, a ligação da Avenida Plínio Gilberto Kroeff com a rodovia está bloqueada por tempo indeterminado, e as chegadas e saídas do complexo de empresas passarão a ocorrer pela Rua Acilino Francisco de Medeiros.

Para viabilizar esta mudança e garantir a fluidez do trânsito, a Prefeitura de Gravataí construiu um novo acesso ligando a Acilino Medeiros com a ERS-118 – nas imediações do Atacadão – no Morro do Coco. O serviço de pavimentação já foi concluído pela Secretaria de Obras públicas (Smop) e a sinalização viária, a cargo da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semurb), está recebendo os detalhes finais.

Atenção aos novos caminhos

A partir do fechamento da Plínio Gilberto Kroeff, os motoristas que trafegam pela região precisam estar atentos às novas rotas e desvios no trânsito. Quem segue na ERS-118 no sentido Viamão e deseja entrar no Distrito terá ingresso livre pela Acelino. Quem vem no sentido contrário, chegando de Porto Alegre ou do Litoral pela Freeway (BR-290), bem como de Alvorada e de Viamão pela rodovia estadual ou da Avenida Centenário, precisará fazer o retorno junto ao Viaduto do Itacolomi.

Publicidade

Quem sair do Distrito Industrial pela Acelino com o objetivo de acessar a Avenida Centenário deverá ingressar na Freeway (sentido Litoral). Uma vez na rodovia federal, os condutores então deverão utilizar a alça de descida para o sentido Gravataí da rodovia estadual, e, na sequência, pegar a Centenário. É o mesmo retorno já utilizado pelos motoristas desde a segunda metade de janeiro, quando a rótula da ERS-118 foi parcialmente fechada para permitir a execução das obras. 

Cabe destacar que os demais acessos ao Distrito Industrial de Gravataí, pelas ruas Rudolfo Vontobel e Paul Zivi permanecem inalterados.

“São medidas pensadas para garantir a fluidez do trânsito e permitir a sequência das obras na rodovia. Parte delas, como o acesso à Avenida Centenário, já estão implementadas e reduziram os congestionamentos naquela região da cidade”, destaca o diretor da Sembur, Flávio Ribeiro.

Fuja do trânsito

Além do suporte técnico e operacional dado pela Prefeitura de Gravataí às obras, que são de responsabilidade do governo do Estado, a Semurb trabalha em ações para estimular os condutores na adoção de caminhos alternativos. Por exemplo: é possível chegar ou sair de Gravataí pela BR-290, utilizando os acessos junto ao complexo da General Motors (via Estrada do Gravatá) e da Nutrella (via Avenida Teotônio Vilela, na parada 63). A Avenida Dorival Cândido Luz de Oliveira permite o acesso a Cachoeirinha e ao Distrito Industrial de Gravataí, e até mesmo pegar a ERS-118 sem passar pelo entroncamento com a Avenida Centenário.

A partir da Dorival, pode-se ir a qualquer direção de Gravataí: BR-116 (via ERS-118) ou Vale do Paranhana e Serra (via ERS-020). Quem vem das praias pode escolher entre a BR-290 ou a ERS-030 – lembrando que as duas se interligam facilmente via Estrada do Gravatá, junto à rótula de acesso ao complexo da General Motors, no km 67 da Freeway.

A obra

Serão investidos R$ 28 milhões no trecho de aproximadamente um quilômetro de extensão entre o Distrito Industrial e os acessos à Freeway. O conjunto de melhorias viárias engloba a construção de um viaduto, de uma trincheira, calçadas, sinalização e pavimentação, com conclusão prevista para o primeiro semestre de 2024.

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui