Funcionários da Trensurb paralisam atividades por uma hora

311
Operação Trensurb
Foto: Divulgação
Publicidade

As estações da Trensurb foram abertas após às 6h, por causa de uma paralisação de funcionários, normalmente as estações abrem às 5h.

Os cartazes afixados nas estações diziam que as operações começariam às 7h, mas a categoria acatou uma decisão do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região que determinou o funcionamento da operação a partir das 6h.

Em caso de descumprimento, o Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transporte Metroviário e Conexas do Rio Grande do Sul (Sindimetrô) teria que pagar uma multa de R$ 100 mil.

Publicidade

“O protesto alerta para a importância da imunização dos trabalhadores do transporte coletivo de massa. O Sindimetrô defende que, além dos metroferroviários e dos rodoviários, todas as pessoas que precisam se deslocar até o trabalho, sejam vacinadas agora”, diz um comunicado publicado no site do sindicato.

“Não se trata de querer ser prioridade ou furar a fila. A realidade é que no transporte de massa os trabalhadores estão mais expostos ao coronavírus, explicou Luís Henrique Chagas, presidente do sindicato.

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui