Tarifa da Trensurb aumenta a partir de segunda-feira, dia 20

O valor da passagem unitária do metrô operado pela empresa passa a custar R$ 4,50 a partir do dia 20 de setembro. O último reajuste ocorreu em 13 de março de 2019. Integrações tarifárias com Porto Alegre e Canoas também são reajustadas

775
Trensurb Norte
Foto: Divulgação/Trensurb
Publicidade

A Trensurb informou que o valor da passagem unitária do metrô operado pela empresa passa a custar R$ 4,50 a partir do dia 20 de setembro. O último reajuste ocorreu em 13 de março de 2019. A decisão foi aprovada pelo Conselho de Administração da Trensurb, em 25 de junho deste ano e referendado pelo Conselho Estadual de Transporte Metropolitano Coletivo de Passageiros (CETM) no dia 15 de setembro de 2021.

Segundo a Trensurb, a alteração no valor da tarifa foi calculada a partir da evolução dos custos operacionais, levando em consideração a necessidade de aproximar a Trensurb de uma situação de equilíbrio – conforme prevê a Política Nacional de Mobilidade Urbana. “Mesmo com a alteração do preço para R$ 4,50, a tarifa da Trensurb segue como a mais econômica entre os meios de transporte metropolitanos”, disse a empresa.

Integrações

Com o reajuste das tarifas do metrô, a tarifa integrada dos ônibus operados pela TRANSCAL em Canoas (realizada com o uso do cartão TEU) passa de R$ 8,83 para R$ 9,10. O desconto tarifário é de 6,04% na integração (a tarifa total sem o benefício é de R$ 9,65).

Publicidade

A integração entre o metrô da Trensurb e os ônibus de Porto Alegre (realizada com o uso dos cartões SIM ou TRI) passa de R$ 8,10 para R$ 8,37. O desconto tarifário é de 10% com o uso dos cartões de bilhetagem eletrônica (a tarifa total sem o benefício é de R$ 9,25).

Os créditos realizados com valor de R$ 4,20, realizados até o dia 19 de setembro de 2021, terão validade por 30 dias.

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui