Número de passageiros de ônibus transportados em 2020 caiu mais de 50% em Porto Alegre

Em 2019, foram transportadas 233.645.234 pessoas nos ônibus de Porto Alegre. No ano passado esse número caiu para 112.736.258. Uma queda de 52%.

Conforme a Associação dos Transportadores de Passageiros de Porto Alegre (ATP), o principal motivo para o recuo em 2020 foi a pandemia, mas a entidade já vem relatando ano a ano a diminuição no número de passageiros. Em 2018 foram transportadas 247.674.496 pessoas e em 2017 foram 265.961.740.

Dados da Associação dos Transportadores de Passageiros de Porto Alegre revelam que em 2020 as empresas chegaram a transportar somente 20% da demanda em alguns períodos. Embora em um contexto difícil, a entidade reforça que foram feitos investimentos em novas tecnologias e adotadas medidas de prevenção para segurança de passageiros e funcionários.

As empresas montaram um protocolo de embarque seguro, no qual adotaram medidas como o reforço na higienização dos ônibus e a disponibilização de álcool gel nos coletivos – já foram adquiridos pelas empresas privadas quase 10 mil litros do produto.

Para a higienização dos ônibus a cada viagem, nos principais terminais do centro, já foram comprados 297 mil panos para limpeza e utilizados 25,7 mil litros de produto de desinfecção, o mesmo utilizado na higienização hospitalar para garantir a eficácia. O produto também é utilizado na limpeza noturna dos ônibus, quando retornam para a garagem. O processo é auditado pela Empresa Pública de Transporte e Circulação.

Em relação ao investimento em tecnologias, nos últimos dois anos foram feitos avanços como a implantação do GPS e do monitoramento por câmera em 100% da frota. Também foi lançada no ano passado a recarga expressa, que disponibiliza em até 30 minutos os créditos do cartão TRI, e a parceria com a fintech RecargaPay, possibilitando mais opções de recarga do cartão.

Para a Associação dos Transportadores de Passageiros de Porto Alegre, entre as medidas para a recuperação do setor estão a revisão das isenções e a busca de receitas extra tarifárias, revertendo em um fundo do transporte, que possa ser utilizado para custear as gratuidades e outras necessidades do serviço.

Mobilidade Porto Alegre

A redação do Mobilidade Porto Alegre é responsável pela produção de conteúdo sobre a mobilidade urbana de Porto Alegre e Região Metropolitana. Deseja entrar em contato conosco para enviar informações, sugestões de pauta ou anunciar? Envie um e-mail para contato@grupopln.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.